sábado, 15 de julho de 2017

[Resenha] Geekerela, Ashley Poston

Título: Geekerela
Autora: Ashley Poston
Editora: Intrínseca
Páginas: 384
Onde comprar: Amazon | Saraiva

Geekerela é uma releitura nerd de Cinderela. Ele nos apresenta à história de Elle Wittimer, uma moça nerd, viciada em uma série hollywoodiana – Starfield -, mas com uma vida sofrida, pois ela é órfã e sua madrasta e irmãs postiças a tratam muito mal. Ela trabalha junto de Hera na Abóbora Mágica, um food truck vegano, mas sua relação com a colega de trabalho não é muito boa, mas isso muda quando ela decide participar de um concurso de cosplay
“Depois de um tempo, as memórias ficam meio esquisitas.”

Darien Freeman é o ator que será protagonista do filme Starfield. Ele será Carmindor, o personagem favorito de Elle. Infelizmente, Elle e muitos fãs da série não acham que Darien é bom o suficiente para o papel, mas mal sabem que ele ama a série tanto quanto eles. O mundo dessas duas pessoas, completamente distintas, se cruza e isso pode mudar a vida deles.

Quis ler esse livro por conta da capa, confesso. Eu não esperava muito apenas que seria mais uma história fofinha e tal, mas a leitura foi além disso e fiquei muito feliz por isso. Elle é uma menina sofrida e, infelizmente, aceita tudo de bom grado, achando, até, que a culpa é sua em alguns momentos. Sua pessimadrasta – como ela chama - e irmãs postiças são personagens odiosos, principalmente, uma das gêmeas, a Chloe
“Sabe, meu pai disse que as coisas só são impossíveis se a gente nem se der ao trabalho de tentar. Então quero arriscar.”

Em determinado momento senti como se tivesse recebido um soco no estômago e precisei parar de ler, pois respirar se tornou em impossível. Parar para refletir sobre o acontecimento foi essencial. A intensidade desse momento me pegou de surpresa e foi uma grata surpresa, após a reflexão, pois percebi o quão cruel o ser humano é.


Já Darien, diferente do que podemos imaginar, não é um personagem que tem uma vida perfeita e a forma como a autora trabalhou isso foi, no mínimo, fascinante. Gostei muito da forma como a autora trabalhou a aproximação entre Elle e Darien e fiquei contente por isso ter acontecido da forma correta sem focar na parte física. Hera é uma personagem adorável e guarda uma surpresa ao leitor que tornou a leitura ainda mais fascinante. 
“É mais fácil sermos quem queremos ser quando não estamos tentando ser quem todo mundo pensa que somos.”

Como vocês perceberam, gostei de tudo nesse livro e, se precisar apresentar um ponto fraco é apenas para dizer que o livro acabou e eu queria que ele tivesse durado para sempre.

Geekerela além de um livro cheio de referências a seriados nerds, é um livro sobre auto aceitação, sobre superar perdas e, principalmente, sobre como a aparência pode enganar e como é necessário não julgar antes de conhecer. Recomendo essa leitura para todos, pois é leve, envolvente e muito gostosa de ser feita. 
“Talvez seja verdade que tudo morre. Mas pode ser que tudo que morre acabe voltando um dia.” 
Classificação:

9 comentários:

  1. Oi, Bruna! Achei bem bacana a premissa dessa obra e, ao ler sua resenha minha curiosidade foi às alturas em relação a esse livro. Gostei da sua resenha, vc citou pontos importantes da obra. Abraços!

    www.marcasliterarias.com.br

    ResponderExcluir
  2. Ola
    Primeira resenha que leio desse livro e gostei bastante de poder conferir a sua resenha. Ja me ganha só pelo fato de ser uma releitura nerd de cinderela.. e que demais, fiquei curiosa diante de todas as características. Adoro livros que trabalham com referências, acho que a identificação com o leitor se torna maior.
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  3. Oi querida!
    Eu peguei esse livro para comprar hoje, mas desisti porque ainda não tinha lido nenhuma resenha dele. Depois que li suas impressões e como a leitura te fez refletir. Além da capa der linda sempre me preocupo com o enredo, e você fez uma resenha que tirou todas as minhas duvidas.

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  4. Oi Bruna, primeira resenha que vejo desse livro e adorei! Adoro releituras e após a sua resenha, mostrando que não é só mais um fofinho para estante, mas com mais profundida já quero ler em breve. Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi, Bru!
    Quem nunca leu um livro pela capa rsrs...
    Adorei seus comentários sobre a obra! A premissa é interessante, os elementos que compoe a obra também são e você falou com tanto entusiasmo sobre GEEKERELA que eu preciso desse livro agora!!! Tenho certeza que irei amar a leitura <3
    A capa é mesmo linda, muito atrativa ;)
    Bjo

    ResponderExcluir
  6. Oi. Não sabia nada sobre esse livro ate agora. Já tinha visto ele pelo Skoob mas não me interessei muito em ler a resenha dele. Agora estou bem interessada em ler essa obra. Vou adicionar à estante do Skoob e tentar comprar e breve.

    ResponderExcluir
  7. A capa desse livro é muito linda e foi uma das coisas que me chamou atenção. Depois de vê que a intrínseca manteve a original eu fiquei OMG Quero! E a sua resenha acaba de bater o martelo no meu botão de "vou comprar logo. Hahaha parece que a autora mesclou bastante as coisas da história clássica com essa né? Amei sua resenha, você fez minha vontade de lê-la aumentar muito rs'. Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oie, tudo bom?
    Que capa mar linda! Já fiquei com vontade de ler por ela!
    Eu AMO releituras, com certeza conferiria a obra se pudesse, amei o tema e a narrativa parece ser ótima!

    ResponderExcluir
  9. Que capa mais fofa. Eu admito que já li mto livro por causa da capa. Teve uns que foi uma decepção. Nunca li nada desses contos modernos, sou super curiosa para ler.

    Sua resenha ficou ótima. Parabéns!
    Beijos.

    ResponderExcluir